Vereador de Campo Novo perde o mandato

O vereador de Campo Novo Jocemar Scherer perdeu o mandato por ter sido condenado pela prática do crime de peculato. De acordo com a Justiça, o então vice-prefeito se apropriou de dois aparelhos celulares, que pertenciam à Câmara de Vereadores, utilizando as linhas telefônicas às custas do ente público após o fim do seu mandato, em 31 de dezembro de 2012, até outubro de 2013.
Em sua defesa no processo, Scherer alegou que no dia 04 de janeiro de 2013 esteve na Câmara de Vereadores e entregou os celulares, bem como protocolou o cancelamento imediato, solicitando que transformassem em pré-pago, pois tinha interesse em permanecer com a linha. Afirmou que devolveu os aparelhos e, em seguida, os pegou de volta para salvar sua agenda de contatos e regularizar a linha. Por descuido, teria esquecido os aparelhos celulares no porta-luvas do seu veículo que posteriormente foi vendido. Informou que após ser informado da necessidade de devolução, foi em busca dos aparelhos que foram encontrados em Concórdia/SC. Disse que se prontificou a pagar pelos celulares, mas foi informado da impossibilidade em virtude do apontamento do Tribunal de Contas. Ficou sabendo da expedição do mandado de busca e apreensão que não foi cumprido, pois levou espontaneamente os aparelhos até a Delegacia.
A condenação criminal por sentença transitada em julgado ocasionou a perda do mandato de Vereador, situação da qual Jocemar Scherer foi notificado na última semana.
Em contato com o Presidente da Câmara Municipal de Vereadores de Campo Novo, vereador Juca Araújo, o mesmo informou que recebeu a notificação do Tribunal de Justiça e que na sessão ordinária do dia 06 de julho de 2020 um suplente deve assumir a cadeira vaga, mas ainda não sabe informar quem será o novo vereador.
Fonte: Observado Regional

Deixe uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
 WhatsApp