Tribunal do Júri condena réus em Ijuí

O Tribunal do Júri da Comarca de Ijuí decidiu pela condenação de uma mulher e um homem pelo assassinato do então companheiro dela, Claudio Lourenço, crime ocorrido no início do ano passado, em 20 de janeiro.

A sessão de julgamento, que durou cerca de oito horas, encerrada na noite da terça-feira (25/8), foi presidida pelo Juiz de Direito Eduardo Giovelli. Com o veredito dos jurados, o magistrado fixou as penas de Ivanir Nunes da Silva em 16 anos de prisão, e de João Cristiano dos Santos, em 18 anos e seis meses, ambos no regime inicial fechado.

Mesmo em caso de recurso, os réus deverão permanecer recolhidos na Penitenciária Modulada de Ijuí, onde estão desde 31 de janeiro de 2019.

A vítima foi morta com golpes de machado na cabeça enquanto dormia na casa, localizada no interior do município, em que convivia com a ré, sua companheira. A denúncia do Ministério Público apontou Ivanir atuou como mentora do crime, cujo executor foi Cristiano.

Os jurados entenderam ainda que o crime teve como qualificadoras motivo torpe (intenção de afastar a vítima, considerada um empecilho à relação amorosa que mantinham os acusados); uso de meio cruel (golpes na cabeça, brutalidade); e traição, dissimulação e recurso que impossibilitou à defesa da vítima.

Fonte: TJ/RS

Deixe uma Resposta

  
 WhatsApp