Transporte irregular de passageiros e de escolares tem sanções aumentadas

Começou a vigorar ontem, (14) a alteração nos artigos 230 e 231 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Com isso aumentam consideravelmente as punições para quem fizer o transporte irregular de passageiros e, ainda mais, para quem transportar escolares de forma irregular.

O coordenador da Coordenadoria Municipal de Trânsito (CMT) revelou, em entrevista  na tarde passada ao novo programa Café da Tarde da Sulbrasileira, que vai ao ar de segunda a sexta-feira a partir das 16h, que a punição para transporte irregular de passageiros passa a ser gravíssima, com 7 pontos na CNH do infrator e multa de R$ 293,00 (o valor anterior era de R$ 130,16 e 4 pontos na Carteira Nacional de Habilitação). No caso de serem transportados escolares de forma irregular, são os mesmo 7 pontos, mas a multa é multiplicada por cinco, ou seja, alcança R$ 1.465,00.