Segurança Pública: Ocorrências  atendidas pela BM de Panambi  no final de semana

Brigada Militar de Panambi atendeu entre a noite de sábado (23) e madrugada desta segunda-feira (24) ocorrências relacionada a perturbação do sossego alheio, desavença familiar e um registro de violência doméstica.

Entre a noite do sábado e madrugada do domingo, as averiguações em relação a perturbação do sossego aconteceram nas Ruas Maranhão e Costa e Silva no Bairro Arco Iris, Rua Italia, Bairro Medianeira, ainda no Distrito Industrial e n a Rua Otto Reusch no Loteamento Alves Klesner. Nestes locais nenhuma vítima quis representar contra os acusados.

Ainda foi realizado um registro com encaminhamento das partes para o judiciário através de um termo circunstanciado por perturbação do sossego, na rua Minas Gerais, São Jorge. Neste caso, a vítima acionou a Brigada Militar e concordou em representar contra o acusado.

Já entre a noite do domingo e madrugada desta segunda-feira, a Brigada Militar foi acionada para atender reclamações de perturbação do sossego alheio em cinco pontos da cidade.
Na Rua Italia, Bairro Medianeira, Rua Reinaldino Almeida, Bairro Serrana, Rua Portugal no bairro Zona Norte e no Bairro Wolgien, as reclamações dizem respeito a som alto que saia do interior das residências. Osa proprietários foram advertidos.
Já na Rua Otto Kepler no Bairro Fátima, o condutor de um veículo foi multado por som alto

Na Rua Munique, Bairro Zona Norte, na noite do sábado, ocorreu uma desavença entre pai e filho. A Brigada Militar foi acionada e se deslocou ao local confeccionando Boletim de Ocorrência.

Na madrugada do domingo, por volta da 1h, na Rua Pedro II, ocorreu registro de violência doméstica.
A vítima informou que tem um relacionamento com ao acusado fazem aproximadamente 05 anos, mas que vivem em casas separadas.
Neste final de semana, ela se encontrava na casa do companheiro e após ingerir bebida alcoólica, se sentiu mal e foi dormir no sofá. Foi acordada a socos e puxões nos braços e nas pernas.
A vítima foi conduzida até a Delegacia de Polícia, efetuou o registro, mas não pediu medidas protetivas.

Deixe uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
 WhatsApp
 Baixe o aplicativo Sul Brasileira
X