Quase 50% da frota de veículos é isenta do IPVA em Panambi

Praticamente a metade da frota de veículos não paga o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), em Panambi, de acordo com levantamento feito pela Redação da Sulbrasileira junto à Secretaria Estadual da Receita, unidade de Ijuí

Conforme as informações obtidas, a frota em Panambi é composta de 33.039 veículos diversos. Deste total, 16.786 recolhem o IPVA e outros 16.459 são isentos por terem sido fabricados antes do ano 2000 ou por estarem desonerados.

No entanto, se a reforma tributária proposta pelo governador Eduardo Leite for aprovada na Assembleia Legislativa, poucos veículos deixarão de ser isentos de IPVA em Panambi e em todo o Rio Grande do Sul.

Se a mudança entrar em vigor em 2021, a maioria dos proprietários de modelos fabricados a partir de  1982 terá de contribuir 

Pela reforma tributária seriam mantidas as isenções para táxi, lotação, ônibus, transporte escolar e veículos de instituições sociais. Os demais só não serão tributados se o imposto apurado for menor do que uma Unidade Padrão Fiscal (UPF), equivalente a R$ 20,30. Atualmente, o limite é de quatro UPFs (R$ 81,20).

Deixe uma Resposta

  
 WhatsApp