Polícia encontra suposto esconderijo de criminosos que atacaram Criciúma

O Batalhão de Operações Especiais (Bope) prendeu mais um suspeito de atacar e assaltar um banco em Criciúma. A prisão ocorreu durante a madrugada desta quinta-feira (3) em uma casa no município de Três Cachoeiras (RS), localizada há cerca de 100 km de Criciúma.

Segundo a polícia, o local teria sido usado como transição para a fuga dos assaltantes. Foram encontradas roupas com sangue, acionador de explosivo e um furgão. O homem é o sétimo preso suspeito de participar do crime.

Além do Comando de Operações de Busca, Resgate e Assalto (Cobra), do Bope de Santa Catarina, participam da operação policiais da Brigada Militar do Rio Grande do Sul.

Trata-se da sétima prisão de um suspeito de participar do ataque. A polícia também prendeu:

  • 2 homens encontrados em um viaduto da BR-116 em São Leopoldo (RS), na tarde de 2/11.
  • 3 homens encontrados entre a divisa de Torres (RS) e Passo de Torres (SC), na tarde de 2/11.
  • 1 mulher encontrada em uma casa em São Paulo (SP), na tarde de 2/11.

Deixe uma Resposta

  
 WhatsApp