Polícia Civil prende um dos autores de latrocínio em Cruz Alta

A Polícia Civil prendeu um dos suspeitos de matar um homem durante um assalto na noite desta quinta-feira (28) em uma propriedade rural no interior do município. A vítima, identificada como Ivanir Eckert, foi atingido por disparos de arma de fogo em sua cabeça em frente a sua filha de sete anos.

Após o latrocínio (roubo seguido de morte), os policiais passaram a trabalhar para resolver o caso o mais rápido possível. As perícias iniciaram de forma imediata, assim como as primeiras a busca e entrevistas com as vítimas e testemunhas, que se estenderam pela madrugada.

Na manhã de desta sexta-feira (28), as diligências foram intensificadas e, a partir do recebimento e troca de informações, os policiais chegaram ao nomes dos suspeitos.

Após inúmeras buscas, um dos autores foi localizado em um dos apartamentos da COHAB/Diário Serrano. Ele estava foragido do sistema prisional, em Ijuí, e admitiu participação no crime.

De acordo com a Polícia Civil, o acusado possui antecedentes por roubo (8X), tentativa de homicídio, associação criminosa (4X), posse de arma de fogo, receptação, favorecimento real (2X) e lesão corporal (2X).

Em sua residência, foram encontrados e apreendidos a arma de fogo utilizada na ação (será autuado pela posse de arma de fogo), o celular de uma das vítimas, e vestimentas utilizadas pelo autor no momento do crime.

Na sequência, a Brigada Militar localizou, no Bairro Brum, o veículo F-1000 que havia sido levado da propriedade e utilizado para transportar os objetos do roubo.

Já no começo da tarde, a BM localizou os defensivos agrícolas e o cofre que haviam sido roubados.

O material estava depositado em uma casa abandonada na Rua Maria de Lourdes Rosselet, Bairro Jardim Primavera. A diligências continuam para localização do segundo suspeito.

Deixe uma Resposta

  
 WhatsApp