Panambienses são  alvo de tentativa de estelionato

Pelo menos quatro pessoas de Panambi procuraram a Brigada Militar no sábado (24), para denunciar terem sido alvo de tentativa de estelionato a partir da clonagem de seu número de WhatsApp.
Uma destas vítimas que chegou no quartel da BM registrou Boletim de Ocorrência e as outras três informaram pelo 190 terem sido alvo dos bandidos, mas preferiram não efetuar registro.
Segundo a Brigada Militar, com acesso aos contatos, os golpistas se passam pelas vítimas e pedem dinheiro emprestado de seus amigos.
As vítimas informaram no contato com a Brigada Militar que não sabem como o WhatsApp foi invadido e que só perceberam o golpe quando seus conhecidos passaram a lhe enviar mensagens, solicitando o número da conta bancária para depósito. Elas disseram que o WhatsApp estava bloqueado.
Segundo as autoridades policiais, o golpe começa a ser aplicado quando os bandidos criam um perfil de WhatsApp com a foto da vítima, possivelmente encontrada em redes sociais. Por meio do aplicativo de mensagens instantâneas, os criminosos entram em contato com amigos e familiares da pessoa, passando-se por ela. Os golpistas informam que o número de WhatsApp mudou e, após algumas trocas de mensagens, pedem uma transferência bancária. A ajuda financeira é solicitada com histórias aleatórias, como a necessidade de pagamento a um fornecedor, após a pessoa já ter excedido o limite de transferências bancárias do dia.

Deixe uma Resposta

  
 WhatsApp