Panambienses continuam sendo vítimas do Golpe do saque do Auxilio Emergencial

Falando no Programa Café da Tarde de ontem, o delegado Gustavo Fleury informou que há uma grande número de registros de trabalhadores de Panambi que estão sendo lesados no auxilio emergência do governo federal.
O titular da DP de Panambi relatou que, diariamente pelo menos dois beneficiários comparecem na DP para registro. Dizem que , vão até a Caixa Econômica para sacar o benefício e são informados que o dinheiro já havia sido retirado.

As vítimas, em sua maioria relatam que conseguiram sacar a primeira parcela, mas quando vão retirar o sacar a segunda parcela do auxílio constatam que o valor de R$ 600,00 já havia sido retirado.

De acordo com o delegado Gustavo, em Panambi já são cerca de 20 vítimas que registraram ocorrências semelhantes.
Para evitar este tipo de golpe, o titular da DP de Panambi faz as seguintes recomendações.

• Não acessar e, muito menos, se cadastrar em links, sites ou aplicativos que prometem ajuda para sacar o dinheiro do auxílio emergencial, para receber a mais, entre outras promessas – possivelmente, todas falsas.
• Cuidado, ainda com o que chega, também, pelo WhatsApp, Telegram e demais redes sociais. Confira sempre a idoneidade do remetente, antes de passar informações como e-mail e CPF. Isso, porque, nada garante que não seja tentativa de golpe com auxílio emergencial.
• Apenas utilizar o aplicativo “Caixa Tem” para fazer transações com os recursos do benefício, ir pessoalmente a uma agência da Caixa Econômica Federal realizar o saque. Ou, então, fazer a transferência para a sua conta corrente ou poupança.
• Não fazer, de forma alguma, transferências para contas de desconhecidos. Isso pode prejudicar o beneficiário, que, ainda, corre o risco de perder o dinheiro.
• Também, só faça compras em aplicativos oficiais de lojas, caso queira comprar com o cartão virtual de débito, isso evita ser vítima de um golpe com auxílio emergencial
• Vale, ainda, instalar programas antivírus em computadores e telefones de aparelho celular.

Em razão de se tratar de um benefício federal, a ocorrências feitas na Delegacia de Polícia de Panambi estão sendo encaminhadas para investigação da Policia Federal de Santo Ângelo.

Deixe uma Resposta

  
 WhatsApp