Panambiense perde R$ 300 em golpe da recarga de celular

Um taxista caiu no golpe da recarga do celular, na terça-feira (26), em Panambi. Ao todo, o homem perdeu R$ 300,00, com créditos feitos em pelo menos 4 celulares do golpista,
O taxista informou que recebeu uma ligação informando que se tratava de um tenente da Brigada Militar e que estaria em Panambi e precisava viajar, contratando o serviço de táxi. No entanto, pediu para o taxista fazer recargas em 4 telefones com DDD 53 que é da região de Pelotas , totalizando recargas de R$ 300,00
A vítima atendeu ao pedido e fez a recarga e em seguida constatou se tratar de um golpe.
De acordo com as informações dos órgãos de segurança, este tipo de crime tem se tornado comum em todo o país. Normalmente os criminosos se identificam como policiais civis e militares da região. Os criminosos utilizam o nome de policiais e pedem para que a vítima faça uma recarga para um determinado número de telefone celular.
A suspeita é de que estas ligações partem de dentro de presídios.

Foto: Ilustrativa