A última atualização do Distanciamento Controlado, feita no sábado (23), manteve Panambi e região na bandeira amarela, com menor risco de propagação do coronavírus. Clique aqui para conferir as regras e restrições para os estabelecimentos comerciais.

Boa parte do Rio Grande do Sul segue na bandeira laranja, 12 de 20 regiões ao todo. Na outra semana, eram 15. Uruguaiana, Capão da Canoa e Santa Cruz receberam a bandeira amarela. Ao todo, são oito com esta classificação.

Nenhuma foi classificada como bandeira vermelha, onde as restrições são mais severas. Lajeado e Passo Fundo chegaram a ficar nesta classificação.

A classificação é válidas a partir desta segunda-feira (25) e segue até este domingo (31/5). A próxima atualização ocorre no sábado.

O Governo do Estado anunciou na semana passada mudanças no cálculo de classificação. Apenas os casos de Covid-19 que geraram hospitalização foram usados na última atualização para medir a propagação do vírus levando em consideração os seus locais de residência.

Até então, o governo usava todos os casos confirmados por testes moleculares (RT-PCR) para medir dois dos 11 indicadores usados no cálculo de risco: velocidade do avanço, que mede o número de novos casos confirmados em relação aos casos anteriores, e incidência de novos casos na população, que mede os novos casos nos últimos sete dias para cada 100 mil habitantes. 

No entanto, o dado vinha gerando distorções entre as regiões, aumentando o nível de risco e de restrição para aquelas que vinham realizando um número maior de testes. Por isso, o governador Eduardo Leite afirmou que foi necessário antecipar a alteração, que foi levada ao grupo técnico de saúde do Comitê de Análise de Dados, tendo sido estudada e avalizada por especialistas.

No território gaúcho como um todo, a terceira rodada do modelo de Distanciamento Controlado trouxe as seguintes alterações nas duas semanas:

• O número de internados em UTI por SRAG (Síndrome Respiratória Aguda Grave) aumentou 7,56% no Estado entre as duas últimas sextas-feiras (225 para 242)

• O número de internados em leitos clínicos com Covid-19 no RS aumentou 18,50% entre as duas últimas sextas-feiras (173 para 205)

• O número de internados em leitos de UTI com Covid-19 no RS reduziu 3,10% entre as duas últimas sextas-feiras (129 para 125)

• O número de leitos de UTI adulto disponíveis para atender Covid-19 no RS aumentou 6,85% entre as duas últimas sextas-feiras (de 467 para 499)

• O número de óbitos por Covid-19 aumentou 13,3% entre as duas últimas semanas (de 30 para 34)

*Com informações do Governo do Rio Grande do Sul

Deixe uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
 WhatsApp