Panambi registra mais dois casos de dengue

A Secretaria Municipal de Saúde confirmou mais dois casos de dengue em Panambi. O município agora totaliza 22 pacientes com a doença causada pelo mosquito Aedes Aegypti.

Um dos casos foi confirmado no Bairro Piratini. O paciente é um homem. O outro foi registrado no Bairro Erica. Trata-se de uma mulher.

A equipe do controle de endemias já realizou a aplicação do veneno em torno das residências dos dois pacientes.

É o sexto caso de dengue no Bairro Erica em 2020, que lidera o número de casos no município, seguido pelo Morro do Grosse (4), Centro (3), Jardim Paraguai (3), Italiana (2), Pavão (2) e Zona Norte (1).

Na tarde desta quarta-feira (3), mais caso suspeito foi registrado, desta vez na Rua João Francisco Jacques, Alves Klasener. Será feita uma Pesquisa Vetorial Especial (PVE) – procura por focos do Aedes aegypti – para aplicar o veneno no final da tarde.

Além disso, há um caso suspeito de chikungunya no município. A paciente, moradora do Bairro Bela Vista, realizou o teste em um laboratório privado e deu positivo. Um outro teste foi realizado pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Rio Grande do Sul (Lacen/RS) para confirmar. Ele teria recebido parentes do Tocantins recentemente. Assim como nos demais casos, a equipe de endemias já realizou a aplicação de veneno em torno da residência.

Em entrevista ao programa Alô Comunidade, a equipe de endemias ressalta que apesar da queda de temperatura nos últimos dias, é necessário que as pessoas sigam tomando cuidando. “Já foi encontrado larva de mosquito viva dentro de potes com gelo. Então a população tem que cuidar, olhando os pátios e possíveis criadouros”, afirma a agente Cristina Meirelles.

De acordo com a coordenadora da equipe, Carla Regina Schimuneck, devido à pandemia do coronavírus, alguns moradores não estão permitindo a entrada dos agentes nos pátios da residência. “Ninguém vai entrar forçado e, se for um idoso, não vamos aplicar a multa, exceto se tiver lixo no pátio. Nesse caso, aí vamos tentar entrar.”

Além disso, a equipe tem realizado mutirões de limpeza durante os finais de semana nos locais onde há maior quantidade de casos. “Trabalhamos dois finais de semana no Bairro Wolgien, as caçambas fizeram vinte e poucas viagens e tinha muito criadouro e todo tipo de lixo”, explica Carla.

A equipe de endemias estará no programa Fala Comunidade, onde o apresentador Élcio Dallabrida abordará neste sábado, dia 6, este e outros temas a partir das 8h.

Região registra mais de 160 casos

O último boletim epidemiológico da 17ª Coordenadoria Regional da Saúde registra 167 casos de dengue na sua área de abrangência – da qual fazem parte Panambi, Condor, Ijuí, entre outros. Ijuí lidera com 78 casos, seguido por Santo Augusto.

Até o final de mês de maio o Rio Grande do Sul registrava 2.810 pessoas infectadas com dengue. Atualmente, 386 municípios gaúchos estão infestados.

Deixe uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
 WhatsApp
 Baixe o aplicativo Sul Brasileira
X