Panambi aumenta a capacidade de testagem para coronavírus

Texto e foto: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Panambi

Na quinta-feira a Secretaria Municipal da Saúde recebeu mais um lote de 260 testes rápidos enviados para Panambi pelo Ministério da Saúde. O município contava apenas com 60 unidades para testagem, e com esse novo aporte, passa a contar com 320 testes a disposição da rede pública.

Esses testes serão administrados pela Secretaria da Saúde, conforme protocolos do Ministério da Saúde, preferencialmente para profissionais da área da saúde e segurança, que atuam na linha de frente de combate ao Covid-19.

No outro tipo de teste, chamado PCR, foram realizados 5 até o momento em Panambi, pela rede pública, todos com resultados negativo para Covid-19. O PCR identifica a presença do coronavírus em uma pessoa com sintomas e é usado em pacientes internados. É diferente do teste rápido, que rastreia a resposta do organismo ao vírus e, portanto, tem maiores chances de dar falso negativo se for aplicado no início da infecção, quando o corpo ainda não desenvolveu defesas.

Essas testagens se somam às provas feitas em laboratórios privados, pagas pela população de forma particular, e às testagens feitas por empresas privadas em seus funcionários – o Comitê Municipal de Prevenção e Combate ao Coronavírus estima que o setor privado já comprou ou negocia mais de 2.500 testes rápidos, sendo que 1.200 destes já chegaram e os demais chegarão ao município entre maio e junho.

O governo municipal não controla absolutamente todos os resultados de testes rápidos feitos no município, mas inserirá nas estatísticas oficias os eventuais casos diagnosticados por empresas ou laboratórios e que são comunicados à Secretarial Municipal da Saúde – se isso ocorrer, o teste rápido vale por conta própria e não exige contraprova. A Secretaria da Saúde afirma que cabe às empresas e laboratórios informar ao governo municipal a confirmação de um caso de coronavírus.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) ainda aprovou, na última terça-feira, 28 de abril, a aplicação de testes rápidos em farmácias de todo o Brasil. A medida poderá ser adotada pelas farmácias que tiverem interesse de oferecer o serviço aos seus clientes.

Outra notícia comunicada pelo prefeito Daniel Hinnah é de que o Consórcio Intermunicipal de Saúde – CISA, do qual Panambi faz parte, está providenciando a aquisição de uma máquina para realizar testagem PCR, para realizar testes em parceria com a Unijuí e os municípios, para proporcionar, por meio desse consórcio, mais agilidade no enfrentamento ao Covid-19.

Deixe uma Resposta

  
 WhatsApp