Operação da Polícia Civil contra ameaças sofridas por delegada e inspetor em Cruz Alta

A Delegacia de Polícia Regional de Cruz Alta, deflagrou, nesta quarta-feira (27), a Operação Contenção em resposta às ameaças sofridas pela delegada Dina Rosa Aroldi e por um inspetor de polícia, amplamente divulgadas nas redes sociais por meio de um rap – a música foi composta por apenados do sistema prisional que pertencem a uma organização criminosa atuante na Região Metropolitana do Estado.

Mandados de busca e apreensão foram cumpridos em três casas prisionais, em Passo Fundo, Soledade e Caxias do Sul, e nas cidades de Ibirubá e Fortaleza dos Valos. Nesses municípios, os alvos dos mandados judiciais foram residências de familiares dos presos, autores das ameaças.

Da ação foram apreendidos celulares e outros objetos que ajudarão nas investigações. Drogas também foram recolhidas. Além de agentes de Passo Fundo, participaram policiais de Soledade, Caxias do Sul e da Cordenadoria de Recursos Especiais da (Core). A Susepe também apoiou a ação.

Para a Chefe de Polícia, delegada Nadine Tagliari Farias Anflor, o fato de terem difundido ameaças especificamente a uma delegada e um agente mostra que a Polícia Civil tem feito o seu trabalho, tirando criminosos da rua e atrapalhando os planos de organizações criminosas. “Não temeremos essas ameaças. A Polícia Civil continuará a fazer o seu trabalho”, enfatiza.

Deixe uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
 WhatsApp