Homem perde R$ 46,2 mil no golpe do nudes

Bandidos com falsos perfis de mulheres estão fisgando diversas vítimas nas redes sociais, em Panambi já foram várias vítimas de acordo com registro na Delegacia de Polícia. Desta vez, o chamado “golpe do nudes” causou prejuízos a uma vítima da Serra Gaúcha. O homem que é morador de São Valentim do Sul, foi extorquido por estelionatários e depositou, ao longo de aproximadamente 15 dias, a quantia de R$ 46,2 mil.
A ação dos criminosos foi semelhante às aplicadas em Panambi. Eles utilizaram um falso policial e um suposto mandado de prisão contra a vítima para dar veracidade ao fato e intimidá-lo.
Conforme informações, o homem conheceu uma suposta mulher pelas redes sociais, e trocou mensagens e fotos comprometedoras, durante cerca de 15 dias. Ela havia dito ser maior de idade. As imagens e as conversas tornaram-se, ao longo do tempo, mais quentes.
Numa determinada data, o golpista ligou se passando por policial, e dizendo que a mulher tinha apenas 15 anos e que o homem havia cometido um crime. Foi informado que havia um mandado de prisão e, para deletar e arquivar a acusação o golpista exigia um valor em dinheiro.
Com medo de ser preso, o homem efetuou os primeiros depósitos de R$ 7 mil e posteriormente mais R$ 15 mil. Novas ameaças e mais cinco transferências para os estelionatários foram efetuadas, totalizando a quantia de R$ 46,2 mil. Todas as operações bancárias foram para contas diferentes. Mesmo com o valor recebido, os golpistas não deram trégua.
A vítima, porém, não realizou mais depósitos. Ele procurou a Delegacia de Polícia de Guaporé, para informar a situação e registrar a ocorrência. O setor de investigação buscará detalhes para tentar identificar os estelionatários do “Golpe do Nudes”.

Fonte:Rádio Aurora
Redação: Sulbrasileira
Foto: ZH

Deixe uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
 WhatsApp