Governador apresenta decreto de distanciamento controlado nesta quinta-feira (30)

O decreto que determinará o distanciamento social controlado no Rio Grande do Sul será apresentado pelo governador Eduardo Leite nesta quinta-feira (30). Um dos critérios será a segmentação regional.

O distanciamento social controlado se baseia em níveis de restrição, que serão aplicados conforme a região do Estado e o setor econômico. Essa decisão é justificada pelo fato das regiões do Estado apresentam diferentes velocidades de transmissão e contam com estruturas diferenciadas de atendimento. Nas regiões de Passo Fundo e Lajeado, por exemplo, há mais casos confirmados diariamente do que nas demais regiões.

Além disso, nível de distanciamento será controlado pela capacidade de resposta de saúde e pelo comportamento da pandemia no território. Divididas em níveis de risco – baixo, médio/baixo, médio e alto –, a capacidade de resposta será constantemente monitorada, podendo ser alterada conforme a evolução de casos.

Em videoconferência realizada na tarde desta quarta-feira (29), o governador Eduardo Leite apresentou o decreto aos prefeitos de municípios gaúchos.

A reunião, que durou quase três horas, contou também com a participação do vice-governador Ranolfo Vieira Júnior, das secretárias da Saúde, Arita Bergmann, e de Planejamento, Orçamento e Gestão, Leany Lemos, e do secretário de Articulação e Apoio aos Municípios, Agostinho Meirelles. O presidente da Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs), Eduardo Freire, também esteve presente.

A secretária Leany Lemos apresentou um resumo das diretrizes do modelo ao grupo de prefeitos. Na sequência, houve uma segunda reunião, desta vez, com todos os integrantes dos comitês criados pelo Executivo para alinhar o enfrentamento ao coronavírus, na qual a secretária repetiu a exposição.

Deixe uma Resposta

  
 WhatsApp