Golpe dos “Nudes” continua sendo aplicado na região

Ontem, um morador de Entre-Ijuís procurou a delegacia de polícia para registrar uma tentativa de estelionato. O homem recebeu um convite em seu facebook com perfil de uma mulher, e em seguida esta pediu seu contato no WhatsApp, conversou algumas vezes com ela, no momento em que a mesma lhe enviou foto de langerie sem se identificar.
O entre-ijuiense em seguida, recebeu a ligação de um número com código da área 51, e na linha alguém se passou por policial, afirmando que havia uma denúncia de que o homem estaria com fotos de menores idade sem roupas. O suposto policial disse que a mãe da jovem queria uma ajuda financeira para providenciar um tratamento psicológico. A ajuda em dinheiro no valor de R$ 2.000,00. Caso a vítima depositasse esse valor não ocorreria o registro policial. Disse que desde então está recebendo ligações e mensagens através do WhatsApp efetuar o depósito.

Na última terça-feira (22), conforme a Emissora Sulbrasileira já divulgou, um morador de Panambi foi alvo do Golpe dos Nudes. No entanto informou que não caiu no golpe, pois tinha conhecimento deste tipo de estelionato que vem sendo praticado em todo o país . Naquela ocasião, o falso delegado pediu RS 5 mil para “ abafar “ o caso.

Ainda na terça-feira (22), mais um caso  semelhante   havia sido  registrado em Cruz Alta. A vítima comunicou a polícia, sobre uma situação que havia lhe acontecido.

Uma mulher solicitou amizade em sua rede social. O mesmo aceitou a amizade e ambos começaram a conversar. Ocorre que, um indivíduo dizendo ser Delegado de Polícia chamou o mesmo, através de um aplicativo, dizendo ter conhecimento da conversa do comunicante com a tal mulher e que o mesmo estava praticando um crime de pedofilia pelo fato da mesma ser menor de idade.

O golpista, disse que para abafar o caso era para a vítima efetuar um depósito, em dinheiro, para cobrir 50% do tratamento psicológico que a mulher teria que fazer e que se o comunicante não pagasse, o mesmo iria ser preso.

O tal Delegado chegou inclusive a baixar o valor solicitado primeiramente. A vitima não realizou o pagamento, e prestou queixa na policia sobre a tentativa de golpe.

Fonte: Rádio Sepé
Redação: Sulbrasileira

Deixe uma Resposta

  
 WhatsApp