Estado recebe 59 pedidos de reconsideração das bandeiras da 11ª rodada do Distanciamento Controlado

Em 36 horas, o governo do Estado recebeu 59 pedidos de reconsideração da classificação preliminar da 11ª rodada do Distanciamento Controlado. Municípios e associações regionais tinham até as 6h deste domingo (19/7) para formalizar os recursos.

Conforme publicado pela Rádio Sulbrasileira, a Associação dos Municípios do Planalto Médio (Amuplam), representando os municípios da região de Ijuí – da qual Panambi e Condor fazem parte, entrou com pedido de reconsideração da bandeira vermelha.

No documento, a associação alega que foram contabilizadas informações que não pertencem à região, prejudicando os municípios pertencentes a ela. Cita inclusive que há pacientes de outras regiões internados no Hospital de Clínicas.

A partir de agora, os dados e justificativas apresentados serão analisados para que, na segunda-feira (20/7), o Gabinete de Crise tome a decisão e divulgue o mapa definitivo vigente a partir de terça (21). Todas as reconsiderações encaminhadas são de municípios em área de bandeira vermelha.

Nesta rodada, o Estado atingiu o maior número de bandeiras vermelhas desde o início do Distanciamento Controlado, em 10 de maio. Conforme o mapa divulgado na sexta-feira (17/7), 18 regiões foram classificadas com risco epidemiológico alto da Covid-19. As duas restantes – Bagé e Pelotas – ficaram com bandeira laranja (risco médio).

Na semana passada, foram 63 pedidos de reconsideração após a divulgação do mapa preliminar do Distanciamento Controlado. Em 5 de julho, 37 pedidos. No dia 28 de junho, o total chegou a 67 e, em 21 de junho, primeira vez que o Estado abriu a instância recursiva, foram 30 solicitações.

Deixe uma Resposta

  
 WhatsApp