Doações de até 6% do Imposto de Renda devido para entidades devem ser feitas até o final deste mês de dezembro

Até o final deste mês de dezembro, o contribuinte, pessoa física pode doar até 6% do Imposto de Renda devido para entidades que atuam junto a públicos necessitados, com crianças, adolescentes, idosos e pessoas com necessidades especiais.
A informação é do contabilista Getson Dhein, delegado do Conselho Regional de Contabilidade do Rio Grande do Sul, CRCRS em entrevista ao Programa Café da Tarde da Sulbrasileira. Esta doação permite ao pagador de impostos “doar sem gastar”, e será incluída na declaração do Imposto de Renda que será entregue até abril do ano que vem.
A doação pode ser feita através de dedução do Imposto de Renda Pessoa Física. A doação também é possível, em um percentual menor, pelas pessoas jurídicas que declaram lucro real.
Em Panambi, as entidades que mais se beneficiam destes recursos são aquelas que trabalham com crianças e adolescentes, como Avocap, CPMs, Pró Menor, CEP e APAE. No entanto, Getson Dhein lembra que outras entidades podsem se beneficiar citando coo exemplo o Cometa.
Apesar da importância dos recursos para estas entidades, o montante de recursos obtidos com a dedução no IR, em Panambi, caiu em torno de R$ 25 mil de 2019 para 2020.
Getson Dhein lembrou que a maioria das contribuintes pessoas físicas tem feito a doação no período da declaração do Imposto de Renda só que, ali, são somente 3% que podem ser doados”. O dinheiro doado às entidades fica diretamente em Panambi. Outro fator a ser levado em conta é o potencial de doações que, de acordo com os contadores, chega a R$ 1 milhão em Panambi. Relativamente ao IR de 2020, foram doados R$ 52mil.

Deixe uma Resposta

  
 WhatsApp