Delegado de Polícia de Panambi alerta para o Golpe do auxílio emergencial

Doutor Gustavo Fleury, titular da Delegacia de Polícia de Panambi alerta para um novo golpe que está sendo aplicado, utilizando o nome do auxílio emergencial de R$ 600 do Governo Federal.
Já apareceram vítimas em várias cidades gaúchas dentre as quais Cruz Alta, Passo Fundo e Uruguaiana dentre outras
Em Cruz Alta, o golpe foi identificado, quando o beneficiário tentou fazer o cadastro via internet para receber o auxílio de seiscentos reais do governo federal. Ao não conseguir, ele se deslocou até a agência da Caixa Econômica Federal, onde foi informado que já existia um cadastro no nome e CPF do comunicante e que uma pessoa a qual não foi identificada já recebeu duas parcelas de seiscentos reais.
O golpe é aplicado através de um link, quando a vítima recebe por rede social um aviso para desbloquear imediatamente o auxílio emergencial, caso haja alguma pendência. Os criminosos pedem, então, para a vítima preencher um formulário com informações pessoais. Para dar veracidade a mensagem, os golpistas exibem relatos em redes sociais de supostas pessoas que já tiveram suas pendências resolvidas com a liberação dos valores do auxílio emergencial.

Conforme o delegado Fleury, o link criminoso ainda usa o logo do Governo Federal e da Caixa Econômica para dar mais credibilidade ao golpe. A vítima ainda é incentivada a compartilhar a fraude para todos os contatos do WhatsApp. No final, a vítima é informada que receberá em poucos minutos uma mensagem via SMS a confirmação da liberação.
O golpe só e descoberto quando a vítima vai ao banco onde é informado que o saque já foi feito.
Com os dados pessoais, como nome completo, data de nascimento, telefone, CPF, RG, e até mesmo número da conta corrente com senha, os golpistas podem abrir contas em bancos virtuais ou físicos e ter acesso a cartão de crédito, cheque especial, abrir empresas fantasmas e fazer compras pela internet tudo em nome de terceiros.
Para evitar o golpe o beneficiário só deve fazer o cadastro para receber ou liberar o auxílio emergencial no site oficial da Caixa Econômica Federal: www.caixa.gov.br ou nos aplicativos baixados em lojas oficiais (App Store) ou (Play Store);
Delegado Fleury lembra ainda que, ao entrar na página da Caixa Econômica Federal verifique se existe um cadeado cinza no canto superior esquerdo da página (isso atesta que sua conexão não foi interceptada e que o site está criptografado para impedir golpes);

Deixe uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
 WhatsApp