Coronavírus: mais de 16 mil pessoas já morreram no mundo e mais de 340 mil estão infectadas

O número de casos confirmados em todo o mundo aumentou de 341,5 mil para 384,4 mil em 24 horas. O número de vítimas fatais também registrou crescimento, passando de 14,7 mil para 16,5 mil.

Em coletiva de imprensa pela internet, o chefe da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, disse nesta segunda-feira (23) que a pandemia está acelerando e já se espalhou por 190 países.

“Podemos mudar a trajetória desta pandemia”, afirmou, “para vencer, precisamos atacar o vírus com táticas agressivas e específicas – examinando cada caso suspeito, isolando e cuidando de cada caso confirmado e rastreando e colocando em quarentena cada contato próximo.”

Na Itália, o surto de coronavírus provocou mais 602 mortes nesta segunda-feira. Ao todo, já são 6.078. De acordo com o chefe da Agência de Proteção Civil, 651 pessoas morreram no domingo, enquanto no sábado foram 793 e na sexta-feira haviam sido 627. Isso pode indicar uma tendência de queda.

Em 24 horas, o número total de casos passou de 59.138 para 63.927, um aumento de 8%. Conforme o governo italiano, trata-se do menor aumento em termos percentuais desde que o contágio na Itália veio à luz, em 21 de fevereiro.

Na Espanha, a quantidade de mortes chegou a 2.316. Conforme o Ministério da Saúde, 462 óbitos foram registrados de um dia para o outro. O total de casos registrados no país foi para 33.089 na segunda-feira. 

A segunda-feira foi o dia mais “mortal” para os Estados Unidos, de acordo com a CNN, com mais de 100 mortes registradas. Até o momento, 582 pessoas morreram. O número total de infectados é 46.616, o terceiro maior em todo o mundo.

Deixe uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
 WhatsApp