Vereadores de Panambi poderão apresentar emendas individuais no próximo orçamento


O orçamento do município de Panambi previsto para 2018 é de R$ 130.000.000,00 (cento e trinta milhões para a administração direta e 34.000.000,00 (trinta e quatro milhões de reais) para a administração indireta divididos em 72,90% como Reserva de Contingência e 27,10% destinados ao Instituto Municipal de Seguridade Social.
Na Administração direta, o maior investimento é para a Educação que ficará com 30,50%.
A novidade é o orçamento previsto para a Secretaria Municipal da Saúde, cujo índice destinado é de R$ 29,71%. No entanto, este índice pode ser aumentado por emendas individuais dos vereadores.
De acordo com a Secretaria da Fazenda, trata-se do Item: Reserva para emendas individuais dos legisladores. O valor disponível é de R$ 1.405.000,00(um milhão quatrocentos e cinco mil reais) que serão divididos para emendas entre os treze vereadores, representando que cada legislador pode apresentar emenda individual no valor aproximado de R$ 107.000,00 (cento e sete mil reais). Deste montante, obrigatoriamente 50% tem que ser destinados para a Secretaria da Saúde e o restante pode também ser repassado para a mesma pasta ou para outros setores da administração direta. Nos orçamentos anteriores, o vereador não tinha rubrica para apresentação de emendas a partir de agora ganham este poder, de acordo com a fonte.
Para a Secretaria de Obras, Urbanismo Vias Urbanas estão previstos 12,93%, Administração e Recursos Humanos são destinados 10,68%, Agricultura, Indústria, Comercio e Serviços 3,43%, e para a Secretaria de Habitação, Trabalho e Ação Social 2,90%
Para a Câmara de Vereadores de Panambi, o Orçamento do município destina 2,54% ou em valor absoluto R$ 3.305.400,00 (três milhões trezentos e cinco reais e quatrocentos reais)