Três toneladas de alimentos impróprios ao consumo são apreendidos em Arroio do Meio

Três toneladas de alimentos impróprios para consumo foram apreendidos em dois estabelecimentos comerciais no município de Arroio do Meio na terça-feira (10).
A fiscalização iniciou em um supermercado, onde foram apreendidas duas toneladas de alimentos, em sua maior parte carnes e laticínios que estavam em local inapropriado e temperatura irregular. Já no segundo estabelecimento, um panifício, que estava sem licença de funcionamento, foram apreendidos um tonelada de pães, cucas e biscoitos, tudo impróprio para o consumo humano, motivo pelo qual foram inutilizados.
Os responsáveis pelos estabelecimentos comercias, identificados durantes as diligências, poderão responder, nos Inquéritos Policiais instaurados para apurar os fatos, por delito contra as relações de consumo.
Participaram da ação policiais civis da Delegacia de Polícia de Proteção ao Consumidor, Saúde Pública e da Propriedade Intelectual, Imaterial, Industrial e Afins/DECON, do Departamento Estadual de Investigações Criminais, que integram a Força-tarefa Segurança Alimentar, também composta por agentes do Ministério Público Estadual, Secretaria Estadual de Agricultura e Pecuária e Vigilância Sanitária Estadual e Municipal.
A fiscalização promovida tem por objetivo garantir que alimentos seguros sejam disponibilizados à população, ou seja, próprios para o consumo e benéficos para a saúde.