Cuidado com animais peçonhentos


A diretora do Pronto Socorro Municipal de Panambi, enfermeira Lara Marques alerta a população para redobrar os cuidados para evitar acidentes com animais peçonhentos, já que de forma até quase que anormal, nesta época do ano, vem fazendo vítimas entre o final de outono e início de primavera. Normalmente os animais peçonhentos aparecem, circulando com maior intensidade no verão.
De acordo com a diretora do PS, já são vários pacientes picados por insetos que buscaram atendimento médico, mas o que chama a atenção é para duas pessoas que foram atacadas por cobras.
Segundo a enfermeira Lara, no primeiro registro, a vítima reconheceu se tratar de uma cobra jararaca, e, no segundo caso cujo paciente foi atacado na sexta-feira passada, ele não tem certeza de qual espécie, mas acredita que também tinha sido uma serpente da mesma espécie, já que o réptil fugiu. Ele permanece internado no Hospital de Panambi. Essas duas vítimas receberam o soro Antibotrópico considerado como único medicamento eficaz para o tratamento de picadas por serpentes
De acordo com especialistas, as jararacas são serpentes peçonhentas, ou seja, produzem veneno. O veneno das jararacas é potente e pode levar o indivíduo picado a morte, caso não haja socorro médico e aplicação de soro antiofídico.